26 de jan de 2009

O grão precisa morrer

Que essa palavra possa edificar a sua vida....
A única vida que vale a pena é Cristo...
Fp 1:21 "Pois para mim o viver é Cristo"
Paz e graça

22 de jan de 2009

Despertando para compaixão!



"Dá-me oh Senhor a minha nação
Sara oh Senhor todas as nações”
(Som de Davi - Na sala do Trono)

Amados, o Cristo que nós salvou que nos libertou e trouxe-nos vida em abundância é extraordinariamente grande. O Universo cabe na palma de sua mão. Sua grandiosidade não pode se limitar apenas a nós, que já pertencemos ao Senhor, mas deve se expandir. A vida de Cristo não é uma vida egoísta, centrada no eu, mas para todos quantos quiserem.
Nossa vida deve ser permeada, encharcada pela compaixão do Senhor. A mesma compaixão que víamos na multiplicação dos pães, na ressurreição de Lázaro, na ressurreição do filho da viúva em Naim e outros tantos milagres.
Compaixão é antes de tudo Jesus manifestando-se através de nós, mas o dicionário já nos diz que é compadecer-se, colocar-se na mesma situação de tal, seja de dor, seja de necessidade, de carência.
A compaixão pelos perdidos é a revelação da abundância da vida de Cristo em nós, pois esta não pode ficar apenas conosco.
Somos herdeiros da promessa feita a Abrão, herdeiros de uma grande nação (Gn 12:1-3). Não precisamos ir muito longe para identificarmos nações que carecem do Senhor, basta olharmos na próxima esquina e podemos encontrar alguém que não conhece a graça, a misericórdia e a justiça do Senhor. Mesmo assim devemos clamar e nos esforçarmos para tornar conhecido o evangelho aos povos ainda não alcançados. Pois todos confessaram que Cristo é Senhor.
Creio numa restauração, num despertar pela compaixão aos perdidos. Não podemos nos acostumar com nossos ministérios dentro de nossas igrejas, mas precisados e devemos trazer à existência a vida de Cristo. A vida de Jesus em nós deve fluir além de nossas barreiras, além de nosso nível, além de uma vida que acomoda-se com o atual, mas devemos trazer mais de Deus para as nações.
Que através dessa palavra você venha a ser despertado para o propósito de Deus. Uma vida que vale a pena, uma vida que vence em Cristo, uma vida que cumpre o Chamado.

1° Reconheça que você não é nada sem Ele

Importa que o Senhor cresça e que nós diminuamos (João 3:30). O Crescimento com Deus é de cima para baixo. Quanto mais crescemos no Senhor mais diminuímos em nós mesmos, pois só Ele pode ser Eu SOU.

2° Busque a vontade do Senhor
Uma vida que busca conhecer ao Senhor deseja ardentemente realizar a vontade dEle a todo custo. Uma vida de abnegação, onde abrimos mão de nós mesmos, das nossas vontades, sonhos, desejos, projetos pessoais para viver a boa, agradável e perfeita vontade de Deus (Rm 12:2). Uma vida que rompe com a expectativa humana e vive na certeza da Glória do reino.

3° Desejar ser usado por Deus implica em querer ser tratado

Eu repreendo e exorto a todos quanto amo. Sê, pois zeloso e endireita-te. (Cf Ap 3:19) Um homem que deseja ser usado por Deus deseja ser moldado, para ficar cada vez mais parecido com o Rei dos Reis (Ml 3:3). O desejo de mudança de caráter deve ser uma alerta a piscar sempre em nosso coração quando nos afastamos da imagem e semelhança de Cristo, pois só assim a plenitude de Cristo, que habita em nós, poderá fluir livremente.

4° Uma vida que vence em Cristo gera frutos para o reino
A árvore dá os frutos conforme a espécie. Tudo aquilo que o homem semear isto também ceifará. Uma vida frutífera com relação à expansão do reino, da obra de Cristo é fruto de uma vida intima com o Senhor, de um relacionamento verdadeiro com o Senhor. Isto envolve muito mais que apenas simples práticas espirituais, mas nos fala sobre caráter tratado, caráter de Cristo expresso, pois é a manifestação de Cristo através de nós que trás o reino de Deus a existência.

5° A sua vida é Cristo
Para mim o viver é Cristo (Fp 1:21). Uma vida que agrada a Deus é aquela onde não mais vivemos, mais Cristo vive a Sua vida através nós (Gl 2:20). Nós somos os vasos de barro, pois em nós mesmos não há valor, mas no nosso interior habita a maior preciosidade que existiu, que existe e que existirá, Jesus.

Seu servo e ministro em Cristo
Felipe A. Zanata

3 de jan de 2009

Viagem...

Irmãos Deus é muito bom, repito, Deus é extraordinariamente bom!
Estive visitando minha família neste final de ano. Muitas alegrias, vitórias, mas também divisões, brigas e problemas como em uma família que ainda precisa ser alcançada pela Glória de Deus. Mas apesar disto não me esqueço do Senhor, pois para Ele não há impossíveis em todas as suas promessas. (Lucas 1:37)

“ E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa.” (Atos 16:31)

Queridos como foi bom esta viagem! O Senhor nos adverte em Sua palavra para aproveitarmos bem as oportunidades, e aproveitá-las para a expansão do Reino, da Luz, do Evangelho, da vida de Deus.

“ Houve um homem enviado de Deus, cujo nome era João. Este veio para testemunho, para que testificasse da luz, para que todos cressem por ele. Não era ele a luz, mas para que testificasse da luz.”(João 1:6-8)

Para isso precisamos estar firmes em Deus, sermos homens e mulheres de caráter, íntegros, retos, fiéis, servos. Isso não se expressa forçadamente, mas é fruto de uma vida intima com Deus, de um relacionamento frutífero em Deus, não de uma religião ou de uma vida medíocre e de aparência perante os homens. Devemos ser homens de testemunho, como a palavra diz, homens que o mundo não é digno.

Amados a luz que há em nós, a presença do Senhor, deve brilhar onde quer que estejamos. A preguiça, a mordomia, a correria do dia-a-dia não pode nos impedir de nos relacionarmos, de nutrir nossa relação com o Senhor.

“Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6:33)

Acima de tudo deve estar nossa busca pelo Senhor, não uma busca que busca em troca do acrescentar do Senhor, mas simplesmente busca conhecê-lo, experimentá-lo, deliciando-se com Sua magnífica presença. Garanto a você irmão, não há nada melhor.
Precisamos conhecer o Senhor a tal nível que nada mais nos satisfaça, nada mais nos preencha, nada a não ser o Senhor, a Sua palavra, a Sua presença, a Sua comunhão.

Seu servo e ministro em Cristo,
Felipe Augusto Zanata
 
Site Meter